cirurgia-bariatrica-curitiba-obesidade

Taxa de obesidade é de 17,9% no país, de acordo com pesquisa

No último mês de abril, o Ministério da Saúde revelou, por meio da pesquisa Vigitel 2014 (Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico), que 52,5% da população brasileira está acima do peso, e destes, 17,9% são obesos.

A pesquisa coletou informações nas 26 capitais brasileiras e no Distrito Federal. Foram realizadas 41 mil entrevistas para o levantamento.

DIFERENÇA DE PESO ENTRE HOMENS E MULHERES

A pesquisa revela, ainda, que o excesso de peso é maior entre os homens – 56,5% contra 49,1% das mulheres. Já a taxa de obesidade não é muito diferente entre os dois gêneros – 17,9% entre o sexo masculino e 18,2% entre o sexo feminino.

Os maiores índices de excesso de peso foram encontrados em pessoas com idade entre 45 e 64 anos – 61% estão acima do peso.

Já os jovens com idade entre 18 a 24 anos registram 38%.

PRÁTICA DE ATIVIDADES FÍSICAS TAMBÉM AUMENTA

Embora apresente números bastante preocupantes, a pesquisa Vigitel apontou, também, uma boa notícia: nos últimos seis anos houve um aumento de 18% de pessoas que praticam atividades físicas no Brasil. 35,3% afirmaram dedicar pelo menos 150 minutos por semana a exercícios! Além disso, o hábito de ver televisão por mais de três horas caiu de 31% para 25,4% desde 2006, segundo a pesquisa.

De acordo com o Ministério da Saúde, o excesso de peso é fator de risco para doenças crônicas do coração, hipertensão e diabetes – juntas, responsáveis por 78% dos óbitos no Brasil.

brasileiros-estao-acima-do-peso